Tela do artista plástico moçambicano Antero Machado.

Tela do artista plástico moçambicano Antero Machado.

domingo, 29 de abril de 2012

Papos de Buteco 61 - O banho da Jacira.


Aqui em Beagá existe uma grande colônia de descendentes de árabes, quase todos  comerciantes e que tem os seus negócios geralmente no centro da cidade, na rua dos Caetés,  rua Tamóios ou Av Santos Dummont. Tem por ali suas lojas e são chamados pelo povão de “turcos”. Sejam eles libaneses, iranianos, sírios ou egípcios. São sempre os turcos.
Um dos freqüentadores aqui do Buteco é um destes personagens, conhecido pelo nome de Salim. Nem sei se este é o verdadeiro nome dele, tantos são os árabes chamados de “Salim”.
Gosto dele, individuo interessante, bem falante em sua língua meio enrolada, mesmo após anos e anos morando por aqui.
Bastante conhecido pela fama de muquirana, munheca de samambaia, alias característica atribuída aos povos do oriente, afirmação nem sempre verdadeira.
Salim mora aqui pertinho. Moram em sua casa, ele e Latiffa, a mulher, três filhos e uma filha, alem da empregada domestica, uma morena de arrasar quarteirão, chamada Jacira. 
Ela era o objeto de desejo de todos os homens do bairro, devido aos atributos perfeitos. 
Bem servida de seios, cinturinha de pilão e um derrière malemolente que deixava a todos encantados. Morena de pintura!
Corre a boca pequena um caso ocorrido entre ela e o Salim, que eu como dono do Buteco, escuto e fecho a boca, mas aqui eu posso contar pra vocês. 
Peço somente boca de siri, pois vai que Dona Latiffa fica sabendo disso.
Conta-se por aqui, que todo dia, durante anos, quando Salim chegava em casa à tardinha, a Jacira, aquela morena fenomenal, servia o jantar da familia e ia tomar o seu banho.
Dia após dia, era a mesma coisa. Jantar servido e o banho da Jacira.
Até que um dia, Salim estava jantando e ficou ouvindo o barulho da água, pensando na Jacira tomando banho.
Ele, neste dia, estava sozinho em casa, mulher e filhos viajando.
Mastigava a comida e pensava na Jacira tomando banho...
Mastigava a comida e pensava na Jacira tomando banho...
Mastigava a comida e pensava na Jacira tomando banho....
Até que, não se agüentando mais, ele se levantou da mesa e foi até o banheiro. 
Bateu na porta:
- Jacira, você ainda está tomando banho?
- Estou sim seu Salim.
- Jacira, abre o porta pra Salim.
- Mas seu Salim, eu estou nua!
- Jacira, abre o porta pra Salim – repete ele!
- Mas seu Salim, eu estou nua! - repete ela!
- Jacira, abre o porta pra Salim – diz mais uma vez!
- Jacira, abre o porta pra Salim – insiste ele!
- Jacira, abre o porta pra Salim!!!!

Jacira não resiste e acaba abrindo a porta.
Salim entra no banheiro e vê a Jacira toda nua, em pelo, ainda sob o chuveiro.
Ele, arfando, pergunta:
- Jacira, você quer foder com Salim?
- Mas seu Salim..., eu não sei se...!!!
- Jacira, você quer foder com Salim?- insiste ele.....

Jacira, cede à insistência dele e diz:
- Sim, quero sim seu Salim, pode vir que sou toda sua...

Então Salim põe a mão no registro do chuveiro e diz categórico:
- Jacira não vai foder Salim não!!!  Chega com essa gastação de água!!!!
Assim você quebra Salim!!!!!!!


Viram só de onde vem a fama do Salim?
E vocês ai pensando  besteira, né?
O negócio é parar de pensar besteira e economizar água!
Campanha para economizar água! (muito boa).

Caso recebido por e-mail, sem autoria determinada.
Imagem: Serigrafia "Duas mulatas" de Di Cavalcanti.




LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...