Tela do artista plástico moçambicano Antero Machado.

Tela do artista plástico moçambicano Antero Machado.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Papo de Buteco 35 - Mestre Cervejeiro

Como já aconteceu por diversas vezes, eu sempre chamo para um evento aqui no Buteco, um Mestre Cervejeiro para dar uma Oficina de Degustação de Cervejas e dirimir duvidas de meus clientes, quanto a qualidade e mitos sobre a “loura mais amada do Brasil”.
O Mestre que normalmente vem e que nos já temos uma parceria longa, estava em viagem pela Bavaria completando seus vastos conhecimentos sobre a fabricação de cervejas e ligou de la me avisando que não daria tempo de retornar em um prazo hábil.
Tentei outros Mestres e nenhum tinha disponibilidade para essa data.
Consegui finalmente um Mestre que havia concluído o curso a pouco e como não conseguia ninguém mais experiente resolvi contratá-lo para não desmarcar o evento e não decepcionar a clientela.
Ele concluira o curso dado por um Cervejeiro famoso, curso bastante renomado.


No dia do evento, o Mestre, um jovem bem apessoado chegou quase na hora do inicio da Oficina, Buteco cheio, salão lotado.
Logo de cara ele se dirigiu aos presentes, se apresentou e começou a discorrer sobre a técnica de degustação. Antes falou rapidamente sobre a fabricação das cervejas, os vários tipos, a temperatura ideal, para nosso clima e etc, chegando então na degustação propriamente dita:
-  Preste atenção desde o momento em que abre e serve a cerveja. O que você vê? O que você ouve?
- Cheire a cerveja. Muitos dos aromas são bastante voláteis, portanto perceptívies por um curto período, então não perca muito tempo e busque logo suas primeiras impressões olfativas. O álcool é perceptível? Lúpulo e malte normalmente são os mais percebidos.
Dizendo isso, ia teatralmente demonstrando como fazer.


-  Observe a cerveja. Qual é a coloração? O liquido é claro, transparente? Como é o creme, ou a famosa espuma? Há muitas bolhas? De que tamanho elas são? O que acontece quando você inclina ou gira o copo? Você nota partículas suspensas ou então depositadas no fundo do copo? O líquido tem uma aparência cremosa ou mais líquida?
A clientela que fazia parte da Oficina, diligentemente fazia tudo que era dito.


E ele discursava:
- Cheire a cerveja novamente. Se necessário, gire levemente o copo para que o aroma se solte. O que você nota? Que aroma predomina? Você sente flores? Ervas? Caramelo? Frutas? Que tipo de frutas? Lembra algum outro aroma que você conhece? Que odores desagradáveis você identifica? Atenção pois após 4 inspirações, os sensores olfativos já começam a ficar confusos e sua avaliação prejudicada.
-  Beba a cerveja. Antes de engolir, distribua por toda sua boca, para que tenha contato com toda a superfície da língua. Qual é o sabor predominante? É doce? Amarga? Azeda? Você sentiu álcool no final do gole ou então subindo para o nariz? Dedique um tempo para perceber as primeiras impressões.
E por aí foi falando, falando, e a turma atenta, degustando as cervejas oferecidas.
Terminada a palestra, chegou a hora de responder as perguntas, e eu pedi que ordenadamente as pessoas as escrevessem em folhas fornecidas para esse fim  e ele responderia todas em seguida, fazendo considerações no final, como era de praxe nesses eventos
E vieram as perguntas:

1. A cerveja mata?
-  Sim. Sobretudo se a pessoa for atingida por uma caixa de cerveja com garrafas cheias. Anos atras, um rapaz, ao passar pela rua, foi atingido por uma caixa de cerveja que caiu de um caminhão levando-o a morte instantâea. Além disso, casos de infarto do miocárdio em idosos teriam sido associados às propagandas de cervejas com modelos boazudas.

2. O uso continuo do alcool pode levar ao uso de drogas mais pesadas?
- Não. O álcool é a mais pesada das drogas. Uma garrafa de cerveja pesa cerca de 900 gramas.

3. Cerveja causa dependência psicológica?
- Não. 89,7% dos psicólogos e psicanalistas entrevistados preferem uísque.

4. Mulheres grávidas podem beber sem risco?
- Sim. Está provado que nas blitz a polícia nunca pede o teste do bafômetro pras gestantes. E se elas tiverem que fazer o teste de andar em linha reta, sempre podem atribuir o desequilíbrio ao peso da barriga.

5. Cerveja pode diminuir os reflexos dos motoristas?
- Não. Uma experiência foi feita com mais de 500 motoristas: Foi dada uma caixa de cerveja para cada um beber e, em seguida, foram colocados um por um diante do espelho. Em nenhum dos casos, os reflexos foram alterados.

A essa altura dos acontecimentos a platéia se entreolhava, alguns encolhiam os ombros como se não entendessem nada do que estava acontecendo.
E muito menos eu. A essa altura já estava morrendo de vergonha dos meus fregueses que escutavam essas abobrinhas.
Fiquei a um canto pensativo, tentando descobrir como sairia dessa situação.
E ele continuava:

6. A bebida envelhece?
- Sim. A bebida envelhece muito rápido. Para se ter uma idéia, se você deixar uma garrafa ou lata de cerveja aberta ela perde o seu sabor em aproximadamente quinze minutos.

7. A cerveja atrapalha no rendimento escolar?
- Não, pelo contrário. Alguns donos de faculdade estão aumentando suas rendas com a venda de cerveja nas cantinas e bares na esquina.

8. O que faz com que a bebida chegue aos adolescentes?
- Inúmeras pesquisas vinham sendo feitas por laboratórios de renome e todas indicam, em primeiríssimo lugar, o garçom.

9. Cerveja engorda?
- Não. Quem engorda é você.

10. A cerveja causa diminuição da memória?
-  Que eu me lembre, não.

Chegando a essa altura, prosseguindo com as perguntas e respectivas respostas, essas “perolas”, notava-se em todo o salão um silencio estrondosamente retumbante.    
Um silencio daqueles que doia os ouvidos, de estourar os timpanos.
De repente, eu soltei uma sonora gargalhada a plenos pulmões.
Vendo aquilo, automaticamente a freguesia começou a rir também e logo todo o Buteco gargalhava em unísono.
Imediatamente fui a frente e cumprimentei efusivamente o “Mestre” agradecendo-o, e já fui levando-o para os fundos onde  instrui ao maitre que lhe desse um sumiço sem voltar ao salão.
Voltando eu, sorridente comentei com todos o “fechamento de ouro” do “Mestre” elogiando categoricamente o seu senso de humor.
E não é que o pessoal acreditou no que eu dizia?
Dessa eu me safei, mas aprendi , se não tiver experiência comprovada, no meu Buteco não entra nunca mais. 

Imagens:  google imagens 

25 comentários:

  1. ahahaha pra variar mais um post bom que nem cerveja hahaha
    as respostas são maravilhosas, todo mundo devia é decorar!
    boa semana ai Lufe, abraços

    ResponderExcluir
  2. Bem melhores as respostas que a palestra...se for seguir todos os passos da degustação a cerveja perde o sabor rsrsrs.
    Ótima semana Lufe...abraços!

    ResponderExcluir
  3. Lufe,
    O seu Buteco quase parece o centro do mundo. Já reparou que passa por aí todo o género humano? E com sentido de humor, ainda por cima! :)

    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post! Bom humor é o ingrediente para a boa leitura.
    Te convido para visitar meu blog.
    Uma semana de paz pra ti.
    Bjo

    ResponderExcluir
  5. Não altera os reflexos NO ESPELHO...ahahahaha

    Boa, muito boa! =)

    Beijo, beijo.

    ℓυηα

    ResponderExcluir
  6. Seu boteco é demais!!! Que ritual para degustar uma cerveja, hein? Beijoooos e uma ótima semana!!

    ResponderExcluir
  7. Êta, Lufe!!!
    Esse mestre que você arrumou deve mesmo é ser um bom tomador de cerveja, hein??? rsrsrs...
    Beijo, querido!!!

    ResponderExcluir
  8. Ah Lufe! Adoro o teu humor e de quebra aprendi horrores a respeito da cerveja! Muito elucidativo!

    Um bj

    ResponderExcluir
  9. Oi,Lufe!Nossa esse fim de semana tomei tanta cerveja diferente hum coisa boa uma boa gelada,hihih.
    Uma ótima semana!
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Lufe,

    Cerveja engorda?
    Não, você é quem engorda! Ó-TI-MO!

    Não irei esquecer... nunca!

    Se ele tivesse bebido junto, iria se sair melhor, mas estava a serviço, não podia, mas a gente sabe, uma dose sempre ajuda o humor.

    Vinícius de Moraes disse que nascemos uma dose de uísque a menos... eu nasci com duas a menos...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi Lufe!!

    Cada vez me encanto mais com esse Buteco! Bom, eu que bebo cerveja dia sim outro também, adorei as lições desse mestre cervejeiro.

    Eu, se fosse você, o contrataria para palestras de tempos em tempos, rsrsrs

    Beijos

    Carla

    ResponderExcluir
  12. Querido, obrigada por tuas palavras lá em casa, adoro quando vejo um comentário seu.

    Beijão

    Carla

    ResponderExcluir
  13. Alexandre

    Esse “Mestre Cervejeiro” no teatro ele era bom, mas nas respostas....rsrsrs

    Abços


    Majju


    Se for degustar do jeitim que ele ensinou, a cerveja esquenta e o prazer se vai....

    Bjo


    AC

    Essa historia de contar os casos do Buteco veio a calhar com a minha vontade de conversar fiado, de falar da natureza humana de uma forma caricata, mas com grandes verdades lá no fundo. Dessas historias sempre dá para tirar alguma coisa de útil, alem é claro, de boas risadas. E como a natureza humana é rica....

    abços

    ResponderExcluir
  14. Marinha

    Seja bem vinda

    Buteco com gente mal humorada é o fim....
    A cerveja desce quadrada!....... rsrs

    Volte sempre.
    Vou lá te fazer uma visita....

    Bjo


    Luna

    Se você limpar o espelho com álcool então.....rsrs

    Beijoca, moça


    Katia,

    Se você for fazer esse ritual todo, pra tomar cerveja, comer um tira gosto de moela, torresmo, mandioca ou calabresa?.........rsrs

    bjos


    Lu,

    Você sabe que eu acho que ele não conseguiria distinguir uma Skol de uma Skin...rsrs

    bjos

    ResponderExcluir
  15. Gisa,

    Se eu fosse você eu não confiava muito no papo desse moço não....rsrsrs

    Bjos



    Sibele

    E por um acaso você notou alguma diferença entre uma boa e outra boa?....rsrs

    bjos

    ResponderExcluir
  16. Lily,

    Mas ele esta certíssimo.....você já viu cerveja de regime?
    Se você fala que nasceu faltando duas doses por causa do humor, a melhor qualidade para o bom humor é rir de si mesma, ai eu acho que você veio na dose certa....rsrs

    Bjos



    Carla,

    Cuidado que a cerveja vicia, droga mais pesada não há.....rsrsrs

    E você acha que eu vou na sua casa se eu não puder sentar na cozinha, tomar um cafezinho e dar palpite em tudo? Se eu não fico a vontade eu não vou......
    Na sua casa eu abro a geladeia.....rsrsrs

    Bjos procê

    ResponderExcluir
  17. Lufe,
    eu sei que você tem cuidado com as referências mas será que esse cara não tinha provado da "loira" mais que o recomendado? Acho que ele é Mestre Bebedor de Cerveja.
    bjs carinhosos
    Jussara

    ResponderExcluir
  18. Jussara,

    Quer dizer que a gente agora fai ter que fazer teste de bafometro quando o cara vai iniciar uma palestra?......rsrsrsrs

    bjos

    ResponderExcluir
  19. Ainda assim com mestre cervejeiro ou não, eu gosto de beber a minha cervejinha.
    Sobre as perguntas e respostas, gostei mais da 10
    da 4 e da 2, o resto foi riri.

    um abraço,
    José.

    ResponderExcluir
  20. Vim tomar umas aqui no seu buteco. Adorei!
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Ai Lufe, que bom sarar de uma gripe braba e vir aqui nesse buteco tomar uma cervejinha..rs
    Eu fui uma das que ri com as pérolas do Mestre em cerveja.
    E sua saída estratégica pela direita foi perfeita!! :D
    Beijão

    ResponderExcluir
  22. José,

    Uma cervejinha é sempre bem vinda....
    Gostei do poema Alentejano.
    Como você disse, morri de riri....rs

    abços


    LadySiri

    Bem vinda ao Buteco
    volte sempre
    obrigado por vir


    bjo


    Rê,

    Que bom que melhorou....
    Um descansozinho faz bem, né?
    Tem hora que se o dono do Buteco não intervem, o caos se instala....rsrsrs

    bjoca procê, é sempre bom te-la de volta.

    ResponderExcluir
  23. Bentido seja que inventou a cerveja.
    Lendo esse texto deu uma vontade danada. Humm!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  24. Guará

    a vontade não falta, ela sobra....rsrsrs

    abraço

    ResponderExcluir
  25. Hum... Lufe,

    Que elogio, obrigada, obrigada... você me conhece tão bem... e nunca me viu, nunca esteve comigo ao vivo. Mas sou assim mesmo, eu rio principalmente de mim mesma.

    Fachada renovada, o buteco ficou mais chique!

    Beijos!

    ResponderExcluir

Entre no papo, comente!
Sua opinião é sempre bem vinda!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...